Minha fase grunge

Bom, como havia dito, tive uma fase grunge na adolescência. Mas vocês sabem…era uma coisa meio nada com nada. Eu nem sequer entendia direito o quê pregava o movimento grunge, mas me achava uma deles, claro.

Minha mãe passava mal, coitada. Com toda razão, né!? Hoje sou mãe e a entendo perfeitamente. Imagine você criar uma filha com todo amor do mundo e um belo dia ver sua princesinha com uma camiseta promocional dos móveis Irimar rasgada na gola, blusa xadrez amarrada na cintura, bota preta da 775 e gorro na cabeça! E é obvio que minha mãe não ia gastar dinheiro comprando gorros pra mim, logo, a solução era pedir para a minha avó fazer! Como vó não é mãe, tudo que os netos fazem está valendo, não!?  ;D

Foi na época em que colocamos MTV em casa (na casa da minha avó, naturalmente), então eu me empolgava com os figurinos dos clipes. Claro que essas maluquices não são feitas sozinhas, e pude contar com minha amiga Helena para fingir junto comigo que éramos grunges verdadeiras e  ir comigo à praça XV comprar penduricalhos dos hippies  :S  Não tem muito fundamento…eu sei…mas adolescência é isso mesmo.

Quanto à minha mãe, acho que sobreviveu a tudo isso porque podia ter sido pior: eu poderia ter sido rockabilly ou gótica…Não riam! Isso também existia lá no meu colégio, viu? Um colégio de freiras muito democrático, por sinal…até as patricinhas tinham vez! Impressionante mesmo.

Mas eu gostava mesmo é de misturar tudo quanto é tipo de música. Lena, lembra quando nos empolgávamos cantando Titãs? Naquela fase revolt deles? Será que é disso que eu necessitooooooooooo? Será que disso que eu necessitoooooooo? Quem aqui como eu, tem a idade de Cristo quando morreu? Awesome!  :D

8 Comments

  1. soninharivello
    Posted 06/10/09 at 9:46 pm | Permalink | Responder

    Vixi, quase morri mesmo.
    Nunca me esqueço dessa famigerada camiseta. Sua tia de Brasília vinha nos visitar ( tia por parte de pai!!!) depois de quase dez anos sem vê-las e você me aparece para ir ao aeroporto vestida de mendiga ( grunge era bobagem).
    Sua tia tinha muita saudade e amor no coração ou disfarçou bem o quanto a ex- cunhada não cuidou da amada sobrinha.

    • stellarivello
      Posted 14/10/09 at 11:15 pm | Permalink

      Tia Angélica tem a visão além do alcance! De certo viu (além da camiseta dos móveis Irimar) a adolescente “boazinha” que eu era! :)

  2. Debora
    Posted 06/10/09 at 11:08 pm | Permalink | Responder

    Caraca Stella, a gente tem muita coisa em comum meeeesmo. Eu tbm tive uma fase grunge movida a MTV na adolescência! Nirvana, Pearl Jam, Faith No More, lembra? hahaha Mas eu estava lá na minha terra natal, SP capital. Você realmente nada contra a maré hein? Posso estar enganada, mas tenho a impressão que as “Patys” dominam Floripa. É isso aí, abaixo o óbvio e a mesmice!!! hahaha Beijãooooo você é o máximo!!!

    • stellarivello
      Posted 14/10/09 at 11:08 pm | Permalink

      Faith No More! Tinha esquecido deles! eu tinha uma foto do vocalista colada na porta do meu armário! Ele era muito lindo! Aonde ele foi parar? Daqui a pouco aparece em algum reality show ;D

  3. LENA
    Posted 09/10/09 at 11:39 pm | Permalink | Responder

    HAHAHAH, Ai, Neinha…ahehaehae fase muito boa e engraçada das nossas vidas, dentre tantas que dividimos. Lembrando, aqui, que foste minha “musa inspiradora” para começar a tocar piano…
    Com relação à fase grunge não sei se tu lembras da minha camiseta (que eu amava e ainda tenho guardada) do Red Hot Chilli Pepers, que usava “combinando com uma bandana azul, e vc com uma camiseta do Guns combinando com a bandana vermelha…e o meu gorro vermelho? acho que também foi a minha Vó que fez!!! Olha, na minha “atual conjuntura”, se vc me chamasse pra ir na Praça XV e cantar “Será que isso que necessito????????????”””” , eu ia, e gritava bem altooooooooooooooo….ahehaehhaeh

    • stellarivello
      Posted 14/10/09 at 11:11 pm | Permalink

      Ai, Lena! Nem me fala! Podemos combinar isso sim! Assim colocamos para fora todas as nossas angústias!! (E também seremos tachadas de loucas, mas já que somos mesmo, não pega nada). :)

  4. Helo
    Posted 14/10/09 at 3:21 pm | Permalink | Responder

    Neia, vc teve uma fase Grunge???? Eu nem sabia!!! Achava que só a Tete teve uma fase declaradamente esquisita. Pq ela sabia o que ela era Rock alguma coisa… Os adolescente são esquisitos mesmo. Nossos filhos vão ter a deles (medo), mais é bom saber que vc dá um nome a sua fase esquisita, a minha não tem nome, só adolescência, vai ver é porque eu sou esquisita mesmo, como dar um nome para as fases de uma pessoa que já é esquisita.
    Beijos bocozinha…

    • stellarivello
      Posted 14/10/09 at 11:13 pm | Permalink

      Hahauhauahua, a fase da Tetê foi muito legal! Vou perguntar para ela o que foi aquilo. Eu me lembro que tu tinhas ficado indignada comigo pq enquanto escutavas “Menino do Riiioooo, calor que provoca arrepioooo” eu estava na fase “Sou metaleira!”. Viu como nem discrepâncias musicais nos separam? :)

Comente

Required fields are marked *

*
*

%d blogueiros gostam disto: